27 de abril de 2011

ESPORTES - De Volta para o Futuro...


Quando achamos que hoje todo jogador é mercenário, que a tal profissionalização do futebol tirou o lado bom do amadorismo, isto é, o amor à camisa, eis que ao menos uma exceção nos enternece: Juninho Pernambucano, que volta ao Vasco recebendo um salário-mínimo... (simbólico mais-que-tudo, e já que se tem de receber algo por trabalhar). o jogador só aceitou receber boas premiações de acordo com o bom desempenho do time no campeonato brasileiro, posto que por sua idade avançada (36 anos) não sabe se terá condições de atuar em alto nível (acreditamos que sim, já que sempre se cuidou fisicamente e sempre foi disciplinado). Exímio cobrador de faltas (além de ótimo passe e visão de jogo, boa marcação, vibração...), até um cientista se interessou por ele, trata-se de Ken Bray, físico inglês, que chegou a fazer um estudo e o considerou o maior do mundo em cobranças de falta (para quem duvida, assista no fim da postagem a uma cobrança magistral quase sem ângulo que parou no ângulo!). Juninho pediu já duas bolas do brasileirão para ir se acostumando, já que só poderá jogar pelo Vasco em agosto, quando abre a janela para as transferências externas. Havia declarado - como se precisasse! - ser Vasco, e que só jogaria no Brasil novamente pelo Gigante da Colina, articulando agora suas palavras em atitudes. A própria trajetória no futebol remete ao esporte no passado: só jogou pelo Sport (1993-1994), Vasco (1995-2001), Lyon (2002-2008) e pelo Al-Gharafa (2009-2011). Foi multicampeão por onde passou (o Lyon nunca havia conquistado o campeonato francês antes dele, com ele conquistou nada menos que o Hepta!). Para prosseguir no passado, o caso ainda lembra o de Pelé, que quando voltou ao Santos jogou "de graça", segundo o mesmo salientou criticando - lembrança inversa - a Ronaldinho "gaúcho", que disse num dado momento que queria voltar ao Grêmio, para compensar a saída conturbada, e que jogaria "até de graça" pelo time que o revelou; como se viu, apenas palavras vazias de sentido...

As boas-vindas ao eterno reizinho de São Janu!

 

Por um vascaíno muito feliz: Walter Andrade

Reações:

6 comentários:

Bill disse...

Vasco Monumental (música da Torcida do Vasco)

Vou torcer pro Vasco ser campeão
São Januário, meu caldeirão!!

Vou torcer pro Vasco ser campeão
São Januário, meu caldeirão!!

Vasco, a tua glória e a tua história
É relembrar, o "expresso da vitória"!!

Contra o River Plate sensacional (gol de quem?)
Gol do Juninho, monumental!!!!!

Vou torcer pro Vasco ser campeão
São Januário, meu caldeirão!!

Vou torcer pro Vasco ser campeão
São Januário, meu caldeirão!!

Bill disse...

Papo de 3 on line traquitanando... rs

Registrei!

JG disse...

Vasco é sempre vice pro meu Mengão
São Januário, só tem ...

"Nessa sexta-feira a princesa Kate, em apenas um minuto ganhou mais títulos que o Vasco em oito anos."

JG disse...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHHAHA

Thiguim disse...

Acharam o Osama e as caixas pretas do avião da Air France. Mas ainda estão procurando as bolas chutadas pelos jogadores do vasco na decisão de penaltis da Taça Rio.
hahahahaha

Bruno Silva disse...

hahahahahahahah! Mas tá demais hein!? hahahahaha

Postar um comentário